A cosmética biológica e natural está na moda; não há dúvida que nos estamos a consciencializar pouco a pouco relativamente aos produtos ‘bio’ e a nossa pele não merece menos. Mas sabe realmente o que é que a cosmética biológica significa e implica? Contamos-lhe os segredos para que não o enganem.

Muitas vezes, deixamo-nos levar pela palavra ‘natural’ nas etiquetas e nem sempre quer dizer o que imaginamos. Quando falamos de cosmética biológica e natural referimo-nos a produtos que satisfazem os requisitos seguintes:

  • Cruelty free

Talvez tenha ouvido falar neste conceito, que significa que os produtos no âmbito deste lema não foram testados em animais nem contêm ingredientes provenientes de animais. Mas podemos encontrar derivados dos animais, como a cera das abelhas, na sua composição.

  • Fora Tóxicos

A cosmética convencional inclui substâncias que podem chegar a ser tóxicas para a nossa pele. Há a crença de que aquilo que pomos na pele fica no exterior e não afeta o nosso organismo. Não é correto! Há cosméticos que incluem ingredientes que favorecem a penetração na pele. Entre os mais comuns encontram-se os parabenos, que são usados como conservantes.

  • Go Green

A cosmética biológica também trabalha para o ambiente. Incluído no seu compromisso, está o uso de embalagens recicladas e/ou recicláveis.

  • Poupe

E por último mas não menos importante, está a poupança; os preços destes artigos costumam ser baixos e, além disso, o produto rende muito mais.

 

Na Equivalenza, usamos essências de primeira qualidade, sem parabenos, e não fazemos testes em animais.

Convidamo-lo a entrar neste mundo com a linha Cosmética Bio*, enriquecida com extratos de Aloé Vera, Azeite e Óleo de Germe de Trigo de cultura biológica certificada.

2 COMMENTS

Leave a Reply